Pages

30 de dezembro de 2009

Teóricos da educação - Freud



Sigmund Freud nasceu em 6 de maio de 1856 em Freiberg (pequena cidade da atual República Tcheca). Seus pais, Kallamon e Amália sempre se esforçavam para lhe oferecer os melhores estudos. Dos nove filhos, Freud era o preferido.

Quando jovem, Freud pensava muito em ser um “Grande Homem” e estava em busca da superação social e econômica em que vivia sua família na época. Sabia que somente o estudo poderia fazê-lo ser um “Grande Homem”, entrar no círculo intelectual da época e mudar toda a situação em que se encontrava.

Foi em 1873 que Freud ingressa na faculdade de Medicina, em Viena. Nessa época já mostrava a todos que era um brilhante e sábio homem. Falava fluentemente inglês, francês, latim, grego e hebraico. Freud não estudou somente medicina e sim estendeu seus estudos para os conhecimentos relacionados às ciências humanas de uma forma geral.

Se formou em 1881 e passou a atuar na área clínica devido ao planos de se casar com Martha Bernays. Sua carreira de pesquisador só foi retomada em 1885 depois de ganhar uma bolsa de estudos para estudar em Paris com o importante neurologista Charcot. Sua bolsa de estudos foi de grande importância para seu primeiro emprego no Hospital Geral de Viena onde atendia pacientes com problemas psiquiátricos.

Durante suas observações, ficava cismado e interessado em entender a histeria, doença que atingia um número maior de mulheres do que homens da época. Então encontrou nos métodos de Charcot uma alternativa de tratamento: a hipnose.

Em 1886, voltou a Viena e casou-se com Martha Bernays e teve seis filhos. Abriu uma clínica particular e passou a tratar de mulheres burguesas que encontravam-se doentes dos nervos. Com o passar do tempo Freud não estava mais satisfeito com os resultados porque seus pacientes só evoluíam quando hipnotizados, fora do processo tudo ficava como antes, os sintomas persistiam. Com o passar do tempo e muito estudo, Freud passou a desenvolver uma nova estratégia. Passou a ouvir seus pacientes, os loucos, e assim foi taxado de louco também por seus colegas de trabalho.

Com essa nova estratégia percebeu que os seres humanos são governados por uma dimensão invisível da personalidade que denominou de inconsciente. Ouvindo seus pacientes percebeu que as histórias que traziam estavam relacionados aos sintomas de sofrimentos na infância. Outro ponto que Freud descobriu foi que a criança tinha sexualidade, porque nos relatos de pacientes haviam histórias de desejo de filhos pelos pais e essa descoberta deixou a sociedade chocada. Freud conseguiu atingir seus objetivos, marcou seu nome na história mas, ao longo de sua carreira colecionou muitos amigos e intelectuais ao seu lado e por que não dizer, inimigos também.

Em 1933, com ascensão de Hitler ao poder, Freud e sua família tiveram que se exilar em Londres. Morreu aos 83 anos (1939), vítima de um tumor maligno no maxilar que foi descoberto em 1923.


Leia também

Teóricos da educação - Vygotsky

Teóricos da educação - Vygotsky e seus Estudos

Teóricos da educação - Johann Amos Comenius

Teóricos da educação - Jean Jacques Rousseau

Teóricos da educação - Jean Piaget

Teóricos da educação - Maria Montessori

Teóricos da educação - Ovide Decroly

Teóricos da educação - Freud

Teóricos da educação - Freud e o desenvolvimento

Teóricos da educação - Jean Piaget - Parte 2

Teóricos da educação - Skinner

Teóricos da educação - Rogers

Teóricos da educação - Jean Piaget - Parte 3

Teóricos da educação - Emilia Ferreiro e a alfabetização

Teóricos da educação - John Dewey

Teóricos da educação - Vygotsky e o desenvolvimento proximal

Teóricos da educação - Estágios segundo Piaget

Teóricos da educação - Pestalozzi

Teóricos da educação - John Dewey e a escola nova

Teóricos da educação - Freinet

Teóricos da educação - Wallon

Leia também:

Teóricos da educação - Jean Piaget

Teóricos da educação - Jean Piaget - Parte 2

Teóricos da educação - Jean Piaget - Parte 3

Uma abordagem sobre o construtivismo

A criança e o número

Teóricos da educação - Estágios segundo Piaget

Leia também

Teóricos da educação - Vygotsky

Teóricos da educação - Vygotsky e seus Estudos

Teóricos da educação - Johann Amos Comenius

Teóricos da educação - Jean Jacques Rousseau

Teóricos da educação - Maria Montessori

Teóricos da educação - Ovide Decroly

Teóricos da educação - Freud

Teóricos da educação - Freud e o desenvolvimento

Teóricos da educação - Skinner

Teóricos da educação - Rogers

Teóricos da educação - Emilia Ferreiro e a alfabetização

Teóricos da educação - John Dewey

Teóricos da educação - Vygotsky e o desenvolvimento proximal

Teóricos da educação - Pestalozzi

Teóricos da educação - John Dewey e a escola nova

Teóricos da educação - Freinet

Teóricos da educação - Wallon

0 comentários:

E ai, gostou do que leu? Que tal ver o blog atualizado?

Então acesse clicando aqui
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.